InícioParaíbaCasal é preso na Paraíba por "golpe nas apostas online"

Casal é preso na Paraíba por “golpe nas apostas online”

Publicado em

- Advertisement -

Os acusado de praticar golpe milionário por meio de suposto esquema de pirâmide financeira através de apostas esportivas online.

A paraíba tem sido o foco de uma série golpes de pirâmides financeiras, principalmente utilizando do sistema de criptomoedas.

Desta vez, entretanto, um casal foi preso na manhã desta quinta-feira (04), no bairro de Tambauzinho, em João Pessoa, acusados de praticar um golpe milionário utilizando a empresa a RTE Betting Master, que o casal era sócio.

O suposto esquema realizava apostas prometendo uma determinada porcentagem de lucro aos investidores.

Assim como ocorreu nos recentes casos na Paraíba, como Braiscompany e Fuji, os clientes de diversos locais do país passaram a alegar que a mesma não estaria honrando com os pagamentos prometidos.

O prejuízo estimado é de aproximadamente R$ 60 milhões, segundo a polícia.

De acordo com delegado Luciano Soares, da região de Guarabira,  os investidores eram atraídos pela promessa de “lucro fácil”, quando na verdade a prática realizada pela empresa pode ter características de uma pirâmide financeira.

Assinava contrato com timbre de uma empresa com sede em Pirpirituba, sede social, e iludia as pessoas com a falsa promessa que iam assegurar lucros na ordem de 10 a 8% ao mês. Inicialmente, como se fosse um esquema de pirâmide, as primeiras pessoas começaram a receber esses valores e a chamar outras, ou mesmo colocar novos investimentos no negócio“, detalhou em entrevista a TV Arapuan. 

De acordo com o que foi divulgado sobre as investigações, após um ano, no entanto, os valores deixaram de ser recebidos e investidores denunciaram à polícia e a justiça.

O casal vinha sendo procurado desde então, uma vez que já que havia um mando de prisão expedido pela justiça de Guarabira.

Com a prisão realizada hoje (04), eles devem ser ouvidos na central de Polícia, onde devem ficar a disposição da justiça. 

Rodrigo Pereira (foto) e a esposa Luiza Amanda foram presos na mahhã de hoje (04), em João Pessoa. Casal é suspeito de aplicar golpe milionário, por meio da RTE Bettinhg.
Rodrigo Pereira (foto) e a esposa Luiza Amanda foram presos na mahhã de hoje (04), em João Pessoa. Casal é suspeito de aplicar golpe milionário, por meio da RTE Bettinhg.

Últimas notícias

Paraíba abre as portas para a Alemanha

Governador João Azevêdo marca o início do I Fórum de Internacionalização Paraíba sem Fronteiras: Paraíba-Alemanha, com investimento de R$ 307 milhões em pesquisa e bolsas.

Vereador Dinho Dowsley se filia ao PSD em busca de representação para João Pessoa

O vereador Dinho Dowsley, atual presidente da Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP), anunciou nesta quinta-feira (4) sua filiação ao Partido Social Democrático (PSD). A mudança de partido ocorreu após sua saída do Avante, pelo qual foi eleito em 2020.

Governadores do Nordeste Propõem Medidas para Fortalecer Finanças Estaduais

Uma das propostas é a do aumento do FPE e Parcelamento de Dívidas para Enfrentar Desafios Financeiros Estaduais pelas perdas de arrecadação com a desoneração do ICMS.

Tudo pronto para as provas do Concurso Público Nacional Unificado

Provas ocorrem no dia 5 de maio e serão aplicadas simultaneamente em 228 cidades em todas as unidades da federação, com questões objetivas e dissertativas

relacionados

Paraíba abre as portas para a Alemanha

Governador João Azevêdo marca o início do I Fórum de Internacionalização Paraíba sem Fronteiras: Paraíba-Alemanha, com investimento de R$ 307 milhões em pesquisa e bolsas.

Vereador Dinho Dowsley se filia ao PSD em busca de representação para João Pessoa

O vereador Dinho Dowsley, atual presidente da Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP), anunciou nesta quinta-feira (4) sua filiação ao Partido Social Democrático (PSD). A mudança de partido ocorreu após sua saída do Avante, pelo qual foi eleito em 2020.

Governadores do Nordeste Propõem Medidas para Fortalecer Finanças Estaduais

Uma das propostas é a do aumento do FPE e Parcelamento de Dívidas para Enfrentar Desafios Financeiros Estaduais pelas perdas de arrecadação com a desoneração do ICMS.