InícioBrasilDeputado pede audiência debater prejuízos causados pela 123Milhas

Deputado pede audiência debater prejuízos causados pela 123Milhas

Publicado em

- Advertisement -

Romero apresenta requerimento para convocar donos da 123Milhas à Câmara

O deputado paraibano Romero Rodrigues (Podemos), presidente da Comissão de Turismo na Câmara dos Deputados, pediu nesta segunda-feira (21) a realização de uma audiência pública para debater a suspensão da emissão de passagens já adquiridas pela linha promocional da 123Milhas. O parlamentar pede que sejam convocados o Ministério do Turismo, Ministério da Justiça e Segurança Pública, Procon-SP e 123Milhas.

“A suspensão de emissão de passagens pela 123Milhas é um grave problema que afeta milhares de brasileiros. É preciso que as autoridades competentes investiguem o caso e tomem medidas para garantir os direitos dos consumidores”, afirmou o deputado.

A 123Milhas é uma empresa de turismo que comercializa passagens aéreas, hospedagens, pacotes de viagens e outros serviços turísticos. Em dezembro de 2022, a empresa suspendeu a emissão de passagens já adquiridas por seus clientes.

A suspensão foi motivada por uma crise financeira que a empresa enfrenta. A 123Milhas alega que não tem recursos para honrar os contratos com seus clientes.

Os clientes da 123Milhas estão revoltados com a suspensão das passagens. Eles afirmam que foram enganados pela empresa e que estão sendo prejudicados financeiramente.

O deputado Romero Rodrigues espera que a audiência pública possa contribuir para a solução do problema.

123Milhas suspende emissão de passagens em linha promocional

A 123Milhas anunciou a suspensão da sua linha PROMO, que oferece passagens ou pacotes com datas flexíveis.

A empresa informou na noite dessa sexta-feira (18/08) que, para clientes que adquiriram esse produto, não serão emitidas passagens com embarque previsto para o período entre setembro e dezembro deste ano. Milhares de passageiros que já haviam pago por suas viagens foram prejudicados pela decisão.

Para os clientes, a empresa afirmou que a suspensão se deve “à persistência de circunstâncias de mercado adversas, alheias à nossa vontade”.

A 123Milhas afirma que vai devolver integralmente os valores pagos pelos clientes, em vouchers acrescidos de correção monetária de 150% do CDI para compras de “quaisquer passagens, hotéis e pacotes na 123Milhas”. Segundo a agência, esses vouchers poderão ser usados em produtos da 123Milhas. No comunicado, entretanto, a empresa não deixou claro se haverá ressarcimento em dinheiro, para uso além de seus serviços.

“Nós entendemos que essa mudança é inesperada e lamentamos o inconveniente que isso possa causar. Para nós, manter a sua confiança é o mais importante. Por isso, estamos fazendo o possível para minimizar as consequências deste imprevisto”, diz a nota da companhia.

Críticas à 123Milhas

A suspensão da emissão de passagens pela 123Milhas tem sido criticada por consumidores e especialistas. Os consumidores afirmam que foram enganados pela empresa e que estão sendo prejudicados financeiramente. Os especialistas afirmam que a 123Milhas não tem credibilidade e que os consumidores devem evitar fazer negócios com a empresa.

A suspensão da emissão de passagens pela 123Milhas é um caso grave que deve ser investigado pelas autoridades competentes. A empresa deve ser responsabilizada pelos danos causados aos consumidores.

Últimas notícias

Ciro Gomes compara Lula e Bolsonaro: “Não mudou nada”

Ex-presidenciável Ciro Gomes ressaltou que desistiu da vida pública e que não será mais candidato a cargos eletivos.

Trump deve enfrentar Biden na eleição

Após vencer as primárias de Missouri, Michigan e Idaho, Donald Trump aparece como principal nome do Republicanos para as eleições dos EUA

Caçada aos fugitivos da Penitenciária Federal de Mossoró se intensifica

Mossoró: fugitivos invadem galpão, agridem homem e polícia monta cerco. Nas redondezas também há uma pista de pouso em bom estado de conservação, além de ruínas de uma antiga fazenda.

PF INVESTIGA ESQUEMA DE FALSOS MÉDICOS NA PB

Após denúncia em Cabedelo, PF recebe do CRM dossiê sobre esquema de falsos médicos na PB

relacionados

Ciro Gomes compara Lula e Bolsonaro: “Não mudou nada”

Ex-presidenciável Ciro Gomes ressaltou que desistiu da vida pública e que não será mais candidato a cargos eletivos.

Trump deve enfrentar Biden na eleição

Após vencer as primárias de Missouri, Michigan e Idaho, Donald Trump aparece como principal nome do Republicanos para as eleições dos EUA

Caçada aos fugitivos da Penitenciária Federal de Mossoró se intensifica

Mossoró: fugitivos invadem galpão, agridem homem e polícia monta cerco. Nas redondezas também há uma pista de pouso em bom estado de conservação, além de ruínas de uma antiga fazenda.