InícioParaíbaEstudante paraibana receberá prêmio de R$ 2,3 mil em concurso Internacional de...

Estudante paraibana receberá prêmio de R$ 2,3 mil em concurso Internacional de Redação

Publicado em

- Advertisement -

Nesta edição o concurso teve como tema da redação “Imagine que você é um super-herói e sua missão é tornar todas as estradas do mundo mais seguras para as crianças”

Orgulho para a Paraíba: Mais uma vez o estado se destaca por seus talentos literários. Desta vez a estudante Laryssa Helen Dias Pontes, foi a vencedora na fase estadual do Concurso Internacional de Redação de Cartas, realizado pelos Correios na Paraíba. 

A premiação inclui premiações em dinheiro para a aluna e a escola, além de certificados.

Ela é aluna do 8º ano do colégio Anglo Zona Oeste, da cidade de Bayeux/PB. A escola também receberá prêmio no valor de R$ 2,5 mil. 

O tema da redação deste ano foi “Imagine que você é um super-herói e sua missão é tornar todas as estradas do mundo mais seguras para as crianças. Escreva uma carta para alguém explicando quais superpoderes você precisaria para cumprir sua missão“. 

O objetivo da competição é melhorar a alfabetização de adolescentes e jovens por meio da redação de cartas, incentivando a expressão da criatividade e o aprimoramento dos conhecimentos linguísticos de crianças e adolescentes.

 O concurso é promovido anualmente pela União Postal Universal (UPU), sediada em Berna, na Suíça, no Brasil é realizado pelos Correios e acontece em três fases: escolar, estadual e nacional. A quarta etapa – fase internacional – é realizada pela UPU.

A vencedora nacional da 52ª edição do Concurso Internacional de Redação de Cartas é Edinayana Costa Sarmento, de Monte Alegre (PA).

A aluna e a escola vencedora receberão premiações no valor de R$ 10 mil e R$ 10,5 mil, respectivamente. Ela também receberá um troféu, um certificado e uma viagem para participar da cerimônia oficial de premiação, agendada para acontecer no Correios Sede, em Brasília (DF), no segundo semestre. Agora, a redação concorre à disputa da fase internacional.

O segundo e o terceiro colocados nacionais foram, nessa ordem: Cesar Augusto Leonel de Carvalho, de 14 anos, do Colégio Parthenon – Bom Clima, de Guarulhos (SP); e Matheus de Miranda dos Santos, de 15 anos, do Colégio Técnico da Universidade Federal Rural do RJ, do Rio de janeiro (RJ). Eles também recebem premiações: o 2º colocado (aluno e escola) recebem, respectivamente, R$ 8 mil e R$ 8,5 mil; já o 3º colocado (aluno e escola) ganham, respectivamente, R$ 6 mil e R$ 6,5 mil. 

Todos os resultados da fase nacional e estadual já estão publicados no site dos Correios.

Últimas notícias

PF INVESTIGA ESQUEMA DE FALSOS MÉDICOS NA PB

Após denúncia em Cabedelo, PF recebe do CRM dossiê sobre esquema de falsos médicos na PB

Nilvan reage: “A melanina da minha pele não é motivo para ninguém me desqualificar”

"Isso é um crime muito grave e não pode passar despercebido, senão vira moda. E a gente tem que cortar o mal pela raiz, para que outras pessoas que queiram fazer isso comigo ou com qualquer outra pessoa negra, elas tenham medo de ser preconceituosos, ser racista, antes de cometer qualquer fato em relação ao que cometeram comigo hoje."

Azevêdo anuncia reajuste de servidores, incorpora mais 20% na Segurança e piso de professores

Reajuste também contempla inativos e pensionistas, além de professores e forças de segurança.

Janones será investigado por suposta “rachadinha”em gabinete

Parlamentar nega que cobrou de membros de assessoria devolução de parte do salário; representação foi apresentada pelo deputado cassado Deltan Dallagnol

relacionados

PF INVESTIGA ESQUEMA DE FALSOS MÉDICOS NA PB

Após denúncia em Cabedelo, PF recebe do CRM dossiê sobre esquema de falsos médicos na PB

Nilvan reage: “A melanina da minha pele não é motivo para ninguém me desqualificar”

"Isso é um crime muito grave e não pode passar despercebido, senão vira moda. E a gente tem que cortar o mal pela raiz, para que outras pessoas que queiram fazer isso comigo ou com qualquer outra pessoa negra, elas tenham medo de ser preconceituosos, ser racista, antes de cometer qualquer fato em relação ao que cometeram comigo hoje."

Azevêdo anuncia reajuste de servidores, incorpora mais 20% na Segurança e piso de professores

Reajuste também contempla inativos e pensionistas, além de professores e forças de segurança.