InícioBrasilForça Nacional reforçará segurança na Esplanada dos Ministérios no 7 de Setembro

Força Nacional reforçará segurança na Esplanada dos Ministérios no 7 de Setembro

Publicado em

- Advertisement -

Após atos antidemocráticos, governo do Distrito Federal busca evitar violência

Com a presença da Força Nacional, o governo do Distrito Federal (DF) promete aumentar o efetivo de segurança para a manifestação do próximo dia 7 de Setembro, na Esplanada dos Ministérios. A ação é uma resposta aos atos antidemocráticos ocorridos em janeiro deste ano, quando vândalos invadiram e depredaram as sedes dos Três Poderes.

Segundo o secretário executivo da Secretaria de Segurança Pública do DF, Alexandre Patury, não há nenhuma manifestação organizada para 7 de Setembro, mas o governo está vigilante. “Até na data de hoje, não identificamos nenhum ponto quente que poderia eventualmente, no 7 de Setembro, trazer algum transtorno maior no evento”, declarou.

Ainda de acordo com Patury, a Força Nacional participará do planejamento da segurança para o evento. “A Força Nacional participou hoje da reunião. Foi oferecida [ajuda] em conversa entre a vice-governadora, Celina Leão, e o ministro Flávio Dino. Não temos a mínima vaidade. Toda ajuda é necessária. Toda ajuda será aceita. E, na medida do possível, a gente vai encaixar no planejamento”, afirmou.

O comandante-geral da PMDF, coronel Adão, declarou que o efetivo da corporação será maior do que o empregado na posse do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e no dia 7 de Setembro do ano passado. “A população pode ficar tranquila”, declarou o coronel.

A Esplanada dos Ministérios será fechada para trânsito às 21h da quarta-feira (6/9). O diretor-geral do Departamento de Trânsito (Detran) alertou que o órgão estará presente com 50 viaturas caracterizadas e algumas à paisana.

No dia 7 de Setembro, os pontos de acesso à Esplanada, onde ocorrerá o evento público, haverá pontos de revista.

Últimas notícias

Ciro Gomes compara Lula e Bolsonaro: “Não mudou nada”

Ex-presidenciável Ciro Gomes ressaltou que desistiu da vida pública e que não será mais candidato a cargos eletivos.

Trump deve enfrentar Biden na eleição

Após vencer as primárias de Missouri, Michigan e Idaho, Donald Trump aparece como principal nome do Republicanos para as eleições dos EUA

Caçada aos fugitivos da Penitenciária Federal de Mossoró se intensifica

Mossoró: fugitivos invadem galpão, agridem homem e polícia monta cerco. Nas redondezas também há uma pista de pouso em bom estado de conservação, além de ruínas de uma antiga fazenda.

PF INVESTIGA ESQUEMA DE FALSOS MÉDICOS NA PB

Após denúncia em Cabedelo, PF recebe do CRM dossiê sobre esquema de falsos médicos na PB

relacionados

Ciro Gomes compara Lula e Bolsonaro: “Não mudou nada”

Ex-presidenciável Ciro Gomes ressaltou que desistiu da vida pública e que não será mais candidato a cargos eletivos.

Trump deve enfrentar Biden na eleição

Após vencer as primárias de Missouri, Michigan e Idaho, Donald Trump aparece como principal nome do Republicanos para as eleições dos EUA

Caçada aos fugitivos da Penitenciária Federal de Mossoró se intensifica

Mossoró: fugitivos invadem galpão, agridem homem e polícia monta cerco. Nas redondezas também há uma pista de pouso em bom estado de conservação, além de ruínas de uma antiga fazenda.