InícioParaíbaLula desembarca em Campina Grande em meio à crise de Segurança Pública...

Lula desembarca em Campina Grande em meio à crise de Segurança Pública no Rio Grande do Norte

Publicado em

- Advertisement -

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) tem uma extensa agenda na Paraíba na próxima quarta-feira (22), com desembarque previsto no Aeroporto João Suassuna, em Campina Grande. De lá, ele seguirá para a região de Santa Luzia, no Sertão paraibano, onde visitará um complexo de energias renováveis, composto por projetos eólicos e solares.

A informação foi confirmada pelo senador Veneziano Vital (MDB), aliado histórico de Lula e membro da comitiva presidencial. Ele próprio recebeu apoio do ex-presidente em sua candidatura ao governo estadual em 2022.

Embora o empreendimento que será visitado seja de iniciativa privada, ele recebeu incentivos do governo federal durante a gestão da ex-presidente Dilma Rousseff. Foram mais de R$ 3 bilhões investidos no projeto.

Do ponto de vista político, a visita de Lula tem grande importância para a formação do palanque do PT na Paraíba. A expectativa é que alguns políticos que apoiaram o ex-presidente Jair Bolsonaro na eleição de 2022, como o senador Efraim Filho (União) e Romero Rodrigues (Podemos), possam participar da visita.

No entanto, a presença do governador João Azevêdo (PSB) já foi confirmada.

Eleitor do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) ano passado, o prefeito de Campina Grande, Bruno Cunha Lima (PSD), deverá recepcionar o presidente Lula (PT) na próxima quarta-feira. A ‘passagem relâmpago’ do presidente por Campina está, por hora, na agenda do prefeito. Embora ele tenha apoiado Bolsonaro nas últimas eleições, ele recebeu o ex-presidente em suas outras visitas à cidade.

A visita de Lula à Paraíba é aguardada com grande expectativa por seus apoiadores, que acreditam que ela possa ser um impulso para o projeto político do PT no estado.

Além das movimentações políticas, preocupa também ao receptivo a questão da garantia de segurança ao Presidente, em meio à crise de segurança pública no estado vizinho, Rio Grande do Norte, com repercussões na Paraíba.

Na noite de domingo e madrugada desta segunda, novos casos aconteceram em Natal e em cidades do interior do estado. Em Natal, criminosos tentaram incendiar uma base da Polícia Militar localizada no bairro Neópolis, na zona sul. Criminosos jogaram um coquetel molotov contra a entrada do prédio. A porta e a janela ficaram manchadas pela fumaça, mas as chamas não se alastraram.

A presença do presidente, bem como a visita do ministro Flávio Dino demarcam a presença do governo neste momento de crise e proximidade das questões vivenciadas no nordeste de forma mais incisiva.

Últimas notícias

PF INVESTIGA ESQUEMA DE FALSOS MÉDICOS NA PB

Após denúncia em Cabedelo, PF recebe do CRM dossiê sobre esquema de falsos médicos na PB

Nilvan reage: “A melanina da minha pele não é motivo para ninguém me desqualificar”

"Isso é um crime muito grave e não pode passar despercebido, senão vira moda. E a gente tem que cortar o mal pela raiz, para que outras pessoas que queiram fazer isso comigo ou com qualquer outra pessoa negra, elas tenham medo de ser preconceituosos, ser racista, antes de cometer qualquer fato em relação ao que cometeram comigo hoje."

Azevêdo anuncia reajuste de servidores, incorpora mais 20% na Segurança e piso de professores

Reajuste também contempla inativos e pensionistas, além de professores e forças de segurança.

Janones será investigado por suposta “rachadinha”em gabinete

Parlamentar nega que cobrou de membros de assessoria devolução de parte do salário; representação foi apresentada pelo deputado cassado Deltan Dallagnol

relacionados

PF INVESTIGA ESQUEMA DE FALSOS MÉDICOS NA PB

Após denúncia em Cabedelo, PF recebe do CRM dossiê sobre esquema de falsos médicos na PB

Nilvan reage: “A melanina da minha pele não é motivo para ninguém me desqualificar”

"Isso é um crime muito grave e não pode passar despercebido, senão vira moda. E a gente tem que cortar o mal pela raiz, para que outras pessoas que queiram fazer isso comigo ou com qualquer outra pessoa negra, elas tenham medo de ser preconceituosos, ser racista, antes de cometer qualquer fato em relação ao que cometeram comigo hoje."

Azevêdo anuncia reajuste de servidores, incorpora mais 20% na Segurança e piso de professores

Reajuste também contempla inativos e pensionistas, além de professores e forças de segurança.