InícioMundoMetade dos mortos em Gaza são mulheres e crianças

Metade dos mortos em Gaza são mulheres e crianças

Publicado em

- Advertisement -

A ação contraofensiva de Israel com bombardeios deixam 340 mil desabrigados e mais de 1,4 mil mortos em Gaza

Metade dos mortos na Faixa de Gaza são crianças e mulheres, de acordo com informações do governo palestino. Das 1.417 mortes confirmadas, 447 são crianças e 248, mulheres, segundo o balanço divulgado pelo país.

A Agência da Organização das Nações Unidas (ONU) ainda afirmou que ao menos 340 mil habitantes estão desabrigados na região em detrimento do conflito entre Israel e Hamas.

Na manhã desta quinta-feira (12/10), o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, afirmou que o Hamas deve ser esmagado tal qual o grupo terrorista islâmico Isis.

Os palestinos estão sem água e eletricidade, e o ministro de Energia de Israel, Israel Katz, afirmou que não haverá retorno até a recuperação dos reféns. “Ajuda humanitária em Gaza? Nenhuma energia será religada, nenhum hidrante de água será aberto, e não entrará combustível nenhum até que os reféns israelenses sejam entregues em casa”, assegurou.

O número de mortos no conflito entre Israel e o grupo Hamas subiu para 2,2 mil na última quarta-feira (11/10). Destes, 1,3 mil são israelenses.

Últimas notícias

Ciro Gomes compara Lula e Bolsonaro: “Não mudou nada”

Ex-presidenciável Ciro Gomes ressaltou que desistiu da vida pública e que não será mais candidato a cargos eletivos.

Trump deve enfrentar Biden na eleição

Após vencer as primárias de Missouri, Michigan e Idaho, Donald Trump aparece como principal nome do Republicanos para as eleições dos EUA

Caçada aos fugitivos da Penitenciária Federal de Mossoró se intensifica

Mossoró: fugitivos invadem galpão, agridem homem e polícia monta cerco. Nas redondezas também há uma pista de pouso em bom estado de conservação, além de ruínas de uma antiga fazenda.

PF INVESTIGA ESQUEMA DE FALSOS MÉDICOS NA PB

Após denúncia em Cabedelo, PF recebe do CRM dossiê sobre esquema de falsos médicos na PB

relacionados

Ciro Gomes compara Lula e Bolsonaro: “Não mudou nada”

Ex-presidenciável Ciro Gomes ressaltou que desistiu da vida pública e que não será mais candidato a cargos eletivos.

Trump deve enfrentar Biden na eleição

Após vencer as primárias de Missouri, Michigan e Idaho, Donald Trump aparece como principal nome do Republicanos para as eleições dos EUA

Caçada aos fugitivos da Penitenciária Federal de Mossoró se intensifica

Mossoró: fugitivos invadem galpão, agridem homem e polícia monta cerco. Nas redondezas também há uma pista de pouso em bom estado de conservação, além de ruínas de uma antiga fazenda.