InícioBrasilNova etapa do ENEM terá segurança reforçada

Nova etapa do ENEM terá segurança reforçada

Publicado em

- Advertisement -

A segunda etapa do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) contará com a atuação das forças de segurança pública federais em todo o país. As provas serão realizadas neste domingo (20).

Na primeira etapa do Enem 2022 houve 57 ocorrências policiais, 32 prisões e 20 incidentes, e foram realizadas 1.822 escoltas de malotes de provas.

A operação envolve a participação integrada dos órgãos responsáveis pela realização, logística, transporte e segurança das provas, como o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) e o Consórcio Aplicador; e das instituições de segurança pública a quem cabe o policiamento dos locais de prova, do transporte e guarda dos exames, a investigação de possíveis fraudes e o patrulhamento das vias de acesso às escolas, entre outros pontos.

Entre as instituições envolvidas estão a Polícia Federal (PF), a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o Ministério da Defesa (MD), a Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT), as Secretarias de Segurança Pública – Polícias Militar e Civil, Corpos de Bombeiros Militares, Defesa Civil e Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e as Guardas Municipais, além de concessionárias de energia, água e telefonia.

Como será
A Operação Enem 2022 abrange a aplicação de provas dos dias 13 e 20 de novembro, além da que ocorre nos dias 10 e 11 de janeiro de 2023, para os candidatos privados de liberdade (PPL) e para aqueles que, por algum motivo justificável, não puderem realizar as provas nas datas oficiais ou possuem decisão judicial para reaplicação do exame.

Segundo o Ministério da Justiça e Segurança Pública, a Operação Enem 2022 envolve a atuação integrada de aproximadamente 70 mil profissionais dos órgãos e agências participantes nos 26 estados e no Distrito Federal. Aproximadamente 7,7 mil viaturas das forças de segurança pública são empregadas na operação.

O trabalho é monitorado em tempo real pelo Centro Integrado de Comando e Controle Nacional (CICCN), do Ministério da Justiça, em Brasília.

Nos estados, o monitoramento é feito dos Centros Integrados de Comando e Controle Estaduais (Cicces) ou de estruturas similares.

Participação
Dados preliminares do Inep indicam que 3,4 milhões de candidatos fizeram inscrições nas duas versões (impressa e digital). Entre os presentes, 2.458.504 realizaram as provas em papel, e 32.376 em computador.

Os participantes fizeram provas de linguagem, códigos e suas tecnologias, e ciências humanas e suas tecnologias, além da redação com o tema “Desafios para a valorização de comunidades e povos tradicionais no Brasil”.

Neste domingo, será a vez dos candidatos resolverem questões de ciências da natureza e suas tecnologias, e matemática e suas tecnologias. O Inep divulgará os gabaritos até o dia 23 deste mês, conforme previsto em edital

Últimas notícias

Ciro Gomes compara Lula e Bolsonaro: “Não mudou nada”

Ex-presidenciável Ciro Gomes ressaltou que desistiu da vida pública e que não será mais candidato a cargos eletivos.

Trump deve enfrentar Biden na eleição

Após vencer as primárias de Missouri, Michigan e Idaho, Donald Trump aparece como principal nome do Republicanos para as eleições dos EUA

Caçada aos fugitivos da Penitenciária Federal de Mossoró se intensifica

Mossoró: fugitivos invadem galpão, agridem homem e polícia monta cerco. Nas redondezas também há uma pista de pouso em bom estado de conservação, além de ruínas de uma antiga fazenda.

PF INVESTIGA ESQUEMA DE FALSOS MÉDICOS NA PB

Após denúncia em Cabedelo, PF recebe do CRM dossiê sobre esquema de falsos médicos na PB

relacionados

Ciro Gomes compara Lula e Bolsonaro: “Não mudou nada”

Ex-presidenciável Ciro Gomes ressaltou que desistiu da vida pública e que não será mais candidato a cargos eletivos.

Trump deve enfrentar Biden na eleição

Após vencer as primárias de Missouri, Michigan e Idaho, Donald Trump aparece como principal nome do Republicanos para as eleições dos EUA

Caçada aos fugitivos da Penitenciária Federal de Mossoró se intensifica

Mossoró: fugitivos invadem galpão, agridem homem e polícia monta cerco. Nas redondezas também há uma pista de pouso em bom estado de conservação, além de ruínas de uma antiga fazenda.