InícioParaíbaPadre Egídio acusado de juntar fortuna, diz Gaeco

Padre Egídio acusado de juntar fortuna, diz Gaeco

Publicado em

- Advertisement -

O alto padrão de luxo encontrado nos imóveis de propriedade do Padre Egídio de Carvalho, durante operação Indignus, deixou os agentes do Gaeco e policiais civis surpresos.

Durante a operação Indignus, os agentes do Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado) e policiais civis ficaram surpresos com o alto padrão de luxo encontrado nos imóveis de propriedade do Padre Egídio de Carvalho, o principal suspeito de desviar recursos do Hospital Padre Zé.

Os investigadores ficaram admirados com a sofisticação da iluminação dos apartamentos do Padre Egídio. Os imóveis contam com projetos de iluminação interna futuristas em LED, além de lustres de alto padrão de luxo.

Além disso, foram encontrados em suas propriedades um fogão no valor de R$ 80 mil e cerca de 30 cães da raça Lulu da Pomerânia, cada um avaliado em até R$ 15 mil. Na sala da granja do padre, em Conde, foram encontrados móveis rústicos importados avaliados em R$ 3 milhões.

O escândalo de fraudes no Hospital Padre Zé envolve o Padre Egídio Carvalho, ex-diretor da unidade. O Instituto São José, que administra o hospital, recebeu mais de R$ 290 milhões em emendas parlamentares nos últimos cinco anos. Esses valores são referentes a emendas federais, estaduais, municipais e doações. A lista de convênios está disponível no site do Hospital Padre Zé.

O escopo da operação se volta a tentar aclarar os desvios no Hospital Padre Zé e na Associação Social Arquidiocesana. Uma coisa que espanta é a apropriação de pautas legítimas de alto relevo social por pessoas que buscam se monetizar, que se apropriam dessas bandeiras para explorar miseráveis para ter com isso vantagens financeiras das mais vultuosas

Últimas notícias

Paraíba abre as portas para a Alemanha

Governador João Azevêdo marca o início do I Fórum de Internacionalização Paraíba sem Fronteiras: Paraíba-Alemanha, com investimento de R$ 307 milhões em pesquisa e bolsas.

Vereador Dinho Dowsley se filia ao PSD em busca de representação para João Pessoa

O vereador Dinho Dowsley, atual presidente da Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP), anunciou nesta quinta-feira (4) sua filiação ao Partido Social Democrático (PSD). A mudança de partido ocorreu após sua saída do Avante, pelo qual foi eleito em 2020.

Governadores do Nordeste Propõem Medidas para Fortalecer Finanças Estaduais

Uma das propostas é a do aumento do FPE e Parcelamento de Dívidas para Enfrentar Desafios Financeiros Estaduais pelas perdas de arrecadação com a desoneração do ICMS.

Tudo pronto para as provas do Concurso Público Nacional Unificado

Provas ocorrem no dia 5 de maio e serão aplicadas simultaneamente em 228 cidades em todas as unidades da federação, com questões objetivas e dissertativas

relacionados

Paraíba abre as portas para a Alemanha

Governador João Azevêdo marca o início do I Fórum de Internacionalização Paraíba sem Fronteiras: Paraíba-Alemanha, com investimento de R$ 307 milhões em pesquisa e bolsas.

Vereador Dinho Dowsley se filia ao PSD em busca de representação para João Pessoa

O vereador Dinho Dowsley, atual presidente da Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP), anunciou nesta quinta-feira (4) sua filiação ao Partido Social Democrático (PSD). A mudança de partido ocorreu após sua saída do Avante, pelo qual foi eleito em 2020.

Governadores do Nordeste Propõem Medidas para Fortalecer Finanças Estaduais

Uma das propostas é a do aumento do FPE e Parcelamento de Dívidas para Enfrentar Desafios Financeiros Estaduais pelas perdas de arrecadação com a desoneração do ICMS.