InícioMundoPapa Francisco critica indústria de armas e pede paz no Natal

Papa Francisco critica indústria de armas e pede paz no Natal

Publicado em

- Advertisement -

O Papa Francisco disse ainda que as crianças que morrem nas guerras, incluindo em Gaza, são os “pequenos Jesuses de hoje”.

O Papa Francisco fez um apelo pela paz no mundo em seu discurso de Natal na segunda-feira (25). O pontífice condenou a indústria de armas, que chamou de “instrumentos de morte”, e pediu o fim dos conflitos no mundo, incluindo a guerra na Ucrânia.

Francisco também pediu a libertação dos reféns e a ajuda humanitária para as vítimas da violência. Ele disse que as crianças que morrem nas guerras são os “pequenos Jesuses de hoje”.

O discurso do papa foi feito da Basílica de São Pedro, no Vaticano, para uma multidão de cerca de 70 mil pessoas. Entre elas, estavam muitas pessoas que ostentavam bandeiras palestinas, bem como algumas bandeiras ucranianas.

Francisco dedicou a bênção do dia de Natal a um apelo à paz no mundo, observando que a história bíblica do nascimento de Jesus Cristo em Belém enviou uma mensagem de paz. Mas ele disse que Belém “é um lugar de tristeza e silêncio” este ano.

A benção anual “Urbi et Orbi” (“Para a cidade e o mundo”) de Francisco normalmente oferece um lamento de toda a miséria que o mundo enfrenta, e a edição deste ano não foi diferente.

O pontífice apelou aos governos e às pessoas de “boa vontade” nas Américas, em particular, para que abordem o “fenômeno preocupante” da migração e os seus “traficantes inescrupulosos” que se aproveitam de inocentes apenas à procura de uma vida melhor.

Francisco tem criticado frequentemente a indústria de armas, chamando-a de “mercadores da morte”. Ele disse que as guerras atuais, na Ucrânia, em particular, estão sendo usadas para experimentar novas armas ou para esgotar arsenais antigos.

O pontífice apelou à paz entre Israel e os palestinos e que o conflito seja resolvido “através de um diálogo sincero e perseverante entre as partes, sustentado por uma forte vontade política e pelo apoio da comunidade internacional”.

O discurso de Francisco marcou sua aparição principal no dia de Natal, embora se espere que ele entregue uma bênção na terça-feira, festa de Santo Estêvão, que também é feriado na Itália. Completando o feriado, ele celebrará uma vigília de Ano Novo na basílica e uma missa no dia seguinte.

Apesar do recente crise de bronquite, Francisco, de 87 anos, parecia estar bem na segunda-feira e durante a missa da véspera de Natal da noite anterior, embora ocasionalmente tossisse e parecesse sem fôlego.

Últimas notícias

Ciro Gomes compara Lula e Bolsonaro: “Não mudou nada”

Ex-presidenciável Ciro Gomes ressaltou que desistiu da vida pública e que não será mais candidato a cargos eletivos.

Trump deve enfrentar Biden na eleição

Após vencer as primárias de Missouri, Michigan e Idaho, Donald Trump aparece como principal nome do Republicanos para as eleições dos EUA

Caçada aos fugitivos da Penitenciária Federal de Mossoró se intensifica

Mossoró: fugitivos invadem galpão, agridem homem e polícia monta cerco. Nas redondezas também há uma pista de pouso em bom estado de conservação, além de ruínas de uma antiga fazenda.

PF INVESTIGA ESQUEMA DE FALSOS MÉDICOS NA PB

Após denúncia em Cabedelo, PF recebe do CRM dossiê sobre esquema de falsos médicos na PB

relacionados

Ciro Gomes compara Lula e Bolsonaro: “Não mudou nada”

Ex-presidenciável Ciro Gomes ressaltou que desistiu da vida pública e que não será mais candidato a cargos eletivos.

Trump deve enfrentar Biden na eleição

Após vencer as primárias de Missouri, Michigan e Idaho, Donald Trump aparece como principal nome do Republicanos para as eleições dos EUA

Caçada aos fugitivos da Penitenciária Federal de Mossoró se intensifica

Mossoró: fugitivos invadem galpão, agridem homem e polícia monta cerco. Nas redondezas também há uma pista de pouso em bom estado de conservação, além de ruínas de uma antiga fazenda.