InícioBrasilPGR pede que Instagram, TikTok e YouTube enviem dados de seguidores de...

PGR pede que Instagram, TikTok e YouTube enviem dados de seguidores de Bolsonaro

Publicado em

- Advertisement -

O pedido foi feito dentro do inquérito que apura se Bolsonaro cometeu crimes ao postar um vídeo com ataques às urnas depois do 8/1

O desenrolar dos processos que envolvem os ataques do 8/1 agora teve novos desdobramentos com o novo pedido do Ministério Público Federal, que solicitou dentro do inquérito informações sobre seguidores nas redes sociais do ex-presidente Bolsonaro.

O pedido, dirigido ao ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, pede que as empresas Instagram, TikTok, Facebook, YouTube, Twitter e LinkedIn, que enviem um arquivo com a lista completa e os dados de identificação de todos os seguidores de Jair Bolsonaro.

Este inquérito apura se houve cometimento de crimes por parte de Bolsonaro, dois dias depois da tentativa golpista de 8 de janeiro, ao postar um vídeo, posteriormente apagado, com ataques ao sistema eleitoral.

O subprocurador-geral da República Carlos Frederico Santos, responsável na PGR pelo inquérito do 8 de Janeiro, pediu que Alexandre de Moraes reitere a cobrança à Meta para que seja enviada uma cópia do vídeo e para que as empresas informem a quantidade de visualizações, curtidas, compartilhamentos, repostagens, comentários e demais métricas aferíveis.

A PGR também pediu que sejam enviadas todas as postagens de Bolsonaro referentes a eleições, urnas eletrônicas, TSE, STF, Forças Armadas.

O subprocurador reforçou ser contrário a dois pedidos que haviam sido feitos por procuradores do Ministério Público Federal (MPF), em uma petição apresentada no inquérito, para que fossem ouvidos especialistas em comunicação política de movimentos extremistas e no monitoramento de grupos de apoiadores de Bolsonaro.

Na avaliação de Carlos Fernando Santos, há “extrema dificuldade” em identificar um especialista em monitoramento de grupos de apoiadores de Bolsonaro que execute “um trabalho isento, sem qualquer viés ideológico ou partidário”.

Últimas notícias

Ciro Gomes compara Lula e Bolsonaro: “Não mudou nada”

Ex-presidenciável Ciro Gomes ressaltou que desistiu da vida pública e que não será mais candidato a cargos eletivos.

Trump deve enfrentar Biden na eleição

Após vencer as primárias de Missouri, Michigan e Idaho, Donald Trump aparece como principal nome do Republicanos para as eleições dos EUA

Caçada aos fugitivos da Penitenciária Federal de Mossoró se intensifica

Mossoró: fugitivos invadem galpão, agridem homem e polícia monta cerco. Nas redondezas também há uma pista de pouso em bom estado de conservação, além de ruínas de uma antiga fazenda.

PF INVESTIGA ESQUEMA DE FALSOS MÉDICOS NA PB

Após denúncia em Cabedelo, PF recebe do CRM dossiê sobre esquema de falsos médicos na PB

relacionados

Ciro Gomes compara Lula e Bolsonaro: “Não mudou nada”

Ex-presidenciável Ciro Gomes ressaltou que desistiu da vida pública e que não será mais candidato a cargos eletivos.

Trump deve enfrentar Biden na eleição

Após vencer as primárias de Missouri, Michigan e Idaho, Donald Trump aparece como principal nome do Republicanos para as eleições dos EUA

Caçada aos fugitivos da Penitenciária Federal de Mossoró se intensifica

Mossoró: fugitivos invadem galpão, agridem homem e polícia monta cerco. Nas redondezas também há uma pista de pouso em bom estado de conservação, além de ruínas de uma antiga fazenda.