InícioBrasilVídeos mostram que militares do GSI permitiram a entrada dos terroristas no...

Vídeos mostram que militares do GSI permitiram a entrada dos terroristas no Planalto

Publicado em

- Advertisement -

Conivência dos policiais militares do GSI? Vídeos mostram o momento no qual permitiram a entrada dos bolsonaristas nos prédios públicos.

De acordo com o que foi apurado através de imagens de vídeos divulgados nas redes sociais, produzidos pelos próprios radicais durante os atos de invasão e vandalismo nos prédios dos Três Poderes, os policiais militares do GSI não só não conseguiram reagir à invasão no Planalto, foi ainda mais grave! Permitiram a entrada dos bolsonaristas.

Entoando músicas e “gritos de guerra”, como “eu sou brasileiro com muito orgulho e muito amor”, os vândalos subiram as escadas sem qualquer resistência ou esboço de reação dos militares.

Pior que isto, em vários momentos podia ser percebido que faziam gestos para que a multidão entrasse no ambiente, incentivando a invasão. E o resultado desta ação foi a completa destruição do Palácio do Planalto e enorme acervo artístico. Vários itens foram furtados. A lista completa dos prejuízos já foi divulgada pelo palácio do planalto.

Não é apenas uma “falta de contingente” ou de condições de reação que está sendo tratada, mas da evidente conivência em várias esferas do poder, desde o Governador, Secretário de Segurança do Distrito Federal, como também agentes de segurança pública.

Não é a primeira vez que se registram atos atentatórios contra à democracia perpetrados em série e de forma institucional sem que as devidas punições ocorram. Vale relembrar que durante o segundo turno das eleições a Polícia Rodoviária Federal, chefiada na ocasião por Silvinei Vasques, realizou diversas ações nas rodovias com vistas a impedir o acesso de eleitores às urnas, e ao invés de ser punido, goza, atualmente de uma polpuda aposentadoria que gira em torno de 23 mil reais.

Já chegou o momento de que os poderes democráticos instituídos deixem de agir de forma seletiva sobre a responsabilidade da tentativa de golpe que se observou no último domingo (8). O questionamento que nos resta é se a sociedade brasileira vai se relegar ao papel de plateia inerte ou passará a demonstrar o repúdio ao movimento antidemocrático de forma veemente. 

Conforme o ilustre Martin Luther King diz: “O que me preocupa não é nem o grito dos corruptos, dos violentos, dos desonestos, dos sem caráter, dos sem ética… O que me preocupa é o silêncio dos bons”.

Últimas notícias

PF INVESTIGA ESQUEMA DE FALSOS MÉDICOS NA PB

Após denúncia em Cabedelo, PF recebe do CRM dossiê sobre esquema de falsos médicos na PB

Nilvan reage: “A melanina da minha pele não é motivo para ninguém me desqualificar”

"Isso é um crime muito grave e não pode passar despercebido, senão vira moda. E a gente tem que cortar o mal pela raiz, para que outras pessoas que queiram fazer isso comigo ou com qualquer outra pessoa negra, elas tenham medo de ser preconceituosos, ser racista, antes de cometer qualquer fato em relação ao que cometeram comigo hoje."

Azevêdo anuncia reajuste de servidores, incorpora mais 20% na Segurança e piso de professores

Reajuste também contempla inativos e pensionistas, além de professores e forças de segurança.

Janones será investigado por suposta “rachadinha”em gabinete

Parlamentar nega que cobrou de membros de assessoria devolução de parte do salário; representação foi apresentada pelo deputado cassado Deltan Dallagnol

relacionados

PF INVESTIGA ESQUEMA DE FALSOS MÉDICOS NA PB

Após denúncia em Cabedelo, PF recebe do CRM dossiê sobre esquema de falsos médicos na PB

Nilvan reage: “A melanina da minha pele não é motivo para ninguém me desqualificar”

"Isso é um crime muito grave e não pode passar despercebido, senão vira moda. E a gente tem que cortar o mal pela raiz, para que outras pessoas que queiram fazer isso comigo ou com qualquer outra pessoa negra, elas tenham medo de ser preconceituosos, ser racista, antes de cometer qualquer fato em relação ao que cometeram comigo hoje."

Azevêdo anuncia reajuste de servidores, incorpora mais 20% na Segurança e piso de professores

Reajuste também contempla inativos e pensionistas, além de professores e forças de segurança.