InícioBrasilDeputada propõe que ministros do STF recebam salário de professor

Deputada propõe que ministros do STF recebam salário de professor

Publicado em

- Advertisement -

Protesto ou medida educativa? Duda Salabert (PDT) propôs Projeto de Lei para chamar atenção para disparidade salarial entre professores e ministros

A disparidade salarial dentro do serviço público não é uma novidade, mas tem sido alvo de protestos mais acirrados por parte da bancada progressitas, a exemplo da deputada Duda Salabert (PDT), que apresentou um projeto de lei que estabelece paridade salarial entre os salários do presidente, vice-presidente, ministros, deputados, senadores e membros do STF e do STJ e professores.

O projeto prevê que esta paridade deverá ocorrer durante três meses do ano, nos quais devem ter o mesmo valor do piso salarial dos professores da educação básica.

Os ministros do Supremo contam com um salário de R$ 41.650 atualmente. Já o do presidente e de parlamentares é de R$ 39.293. A comparação com o piso do magistério é brutal, sendo o valor de de R$ 4.420.

Vale salientar que o Brasil tem ao todo, 2,2 milhões de pessoas que exercem a profissão de professor na educação básica e 323.376, no ensino superior.

De acordo com a parlamentar mineira, a medida visa chamar a atenção para a disparidade salarial entre professores e autoridades dos três Poderes.

Devemos buscar formas de incentivar um maior investimento público na área da educação, destinando recursos adequados para a melhoria das infraestruturas das escolas, a formação continuada de professores e a disponibilização de materiais didáticos de qualidade”, afirma Duda na proposta.

Vale lembrar, no entanto, que há uma regra na Constituição que diz que apenas o Judiciário pode propor regras sobre o seu próprio funcionamento, no artigo 93 inciso V. Ou seja, não há chance de a proposta avançar.

Últimas notícias

Ciro Gomes compara Lula e Bolsonaro: “Não mudou nada”

Ex-presidenciável Ciro Gomes ressaltou que desistiu da vida pública e que não será mais candidato a cargos eletivos.

Trump deve enfrentar Biden na eleição

Após vencer as primárias de Missouri, Michigan e Idaho, Donald Trump aparece como principal nome do Republicanos para as eleições dos EUA

Caçada aos fugitivos da Penitenciária Federal de Mossoró se intensifica

Mossoró: fugitivos invadem galpão, agridem homem e polícia monta cerco. Nas redondezas também há uma pista de pouso em bom estado de conservação, além de ruínas de uma antiga fazenda.

PF INVESTIGA ESQUEMA DE FALSOS MÉDICOS NA PB

Após denúncia em Cabedelo, PF recebe do CRM dossiê sobre esquema de falsos médicos na PB

relacionados

Ciro Gomes compara Lula e Bolsonaro: “Não mudou nada”

Ex-presidenciável Ciro Gomes ressaltou que desistiu da vida pública e que não será mais candidato a cargos eletivos.

Trump deve enfrentar Biden na eleição

Após vencer as primárias de Missouri, Michigan e Idaho, Donald Trump aparece como principal nome do Republicanos para as eleições dos EUA

Caçada aos fugitivos da Penitenciária Federal de Mossoró se intensifica

Mossoró: fugitivos invadem galpão, agridem homem e polícia monta cerco. Nas redondezas também há uma pista de pouso em bom estado de conservação, além de ruínas de uma antiga fazenda.